Retorno

A volta para NY foi confusa. Eu estava muito feliz de voltar para “casa”, de verdade. No final da minha viagem eu fiquei doente com dor no estomago e o pior: PARASITAS! Eu ja estava emocionalmente exausta, fisicamente “dolorida” e mentalmente SUPER estimulada. Mas tambem estava com uma sensacao estranha. Como se eu tivesse me metido nas vidas de tantas pessoas e de repente em algumas horas eu estava em um lugar completamente diferente. Eu estava em NY, onde a maioria das familias que eu visitei no Mexico gostariam de ir.

As familias no Mexico enviaram por mim um monte de comida! Doces de abobora, farinha para tortilla, pimentas! Eu estava com medo da imigracao em Houston Texas apreender toda a minha preciosa “mercadoria”. Eu trouxe fotos e cartas tambem.

Chegando em NY  eu encontrei com a Sonia. Mostrei as fotos da mae dela, do filho dela, da prima, da avo, da casa, dos animais. Sonia estava emocionada em ver as fotos. Ela tambem estava muito contente em receber as deliciosas comidas a mae dela enviou por mim. Infelizmente a Sonia esta passando por muitos problemas, esta se separando do marido, precisa encontrar um outro apartamento porque sozinha nao consegue pagar o aluguel e está com medo de perder a guarda do filho. Todos esses problemas só me fizeram refletir outra vez sobre as dificuldades que as pessoas que nao tem documentos aqui nos Estados Unidos passam. E na minha opiniao as coisas só tendem a piorar. A lei no estado americano do Arizona esta disseminando medo entre os imigrantes e esse medo resulta em efeitos terríveis, especialmente para as mulheres imigrantes. Aqui nos Estados todas as pessoas tem direito de chamar a policia se qualquer coisa acontece em casa ou no local de trabalho. A policia nao pede comprovantes de legalidade, porque nao sao agentes federais, entao os imigrantes tem essa proteção. Agora por confusao em entender o que a nova lei propoe, as mulheres estao com medo de chamar a policia no caso de violencia domestica. Agora no Arizona a policia tem esse poder, mas nao em NY.

Eu acho que depois dessa estada no Mexico os imigrantes aqui em NY tem outros rostos, outras historias. E como se eu soubesse o que eles deixaram e porque deixaram. Absolutamente TODAS as pessoas que eu conheci no Mexico no estado de Puebla, viveram ou tem algum parente que vive em NY. A história dos poblanos é uma história de imigração, de separação, de choques de cultura e mais do que qualquer outra coisa de sobrevivência.

Agora eu estou fazendo entrevistas com pais das muitas crianças que eu conheci no Mexico que moram aqui em NY. Para eles é sempre uma alegria mixturada com culpa quando veem fotos das familias deixadas no Mexico.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s